_____________________________________

Édipo

Frederico Alexandre da Silva Amitrano Andar cego e errante é o meu destino Pois tenho a sina de amante desde menino Daquela que foi meu maior desatino Quem dera dela andasse distante    É certo que tive o privilégio De deitar-me com quem muitos sonham E está aí o pior sacrilégio Que me abate com […]

Read more...

Receita de Brasileiro

Frederico Alexandre da Silva Amitrano O que é? O que é? Uma coisa que só no Brasil se faz? Quem pensou em samba, não é Nem futebol, nem café… Responda-me quem for capaz Agora vou dar uma resposta sagaz Ora, o que só no Brasil se faz É claro que são os brasileiros Pois em […]

Read more...

Tarde de Segunda

Frederico Alexandre da Silva Amitrano e Isaac Kiswetter Numa tarde de segunda Com um amigo de primeira Joguei tudo para o ar E fui andar em frente ao mar A gente olha e não afunda Tudo é festa e brincadeira Nessa tarde de segunda Com um amigo de primeira Confiamos em nossos braços Mas não […]

Read more...

Amor Ponte Aérea

Frederico Alexandre da Silva Amitrano (Para todos os que vivem um amor Rio- São Paulo) Meu amor, lhe  espero  eternamente corcovado Lá no céu petrificado, braços abertos pra você Minha flor, meus desejos São Conrado De um caminho apaixonado que o Joá me faz viver Quero beber sua garoa e lhe aquecer com meu verão […]

Read more...

Cidade Nua

Frederico Alexandre da Silva Amitrano Ando no meio da rua Vagando ainda na sua E tentando me perder Me procuro em você Meu amor, eu sei, eu não vou lhe esquecer   No ar, no céu, no som vejo sua imagem Não sei se é miragem ou assombração Ao ar, ao léu, em vão essa […]

Read more...
 Page 14 of 18  « First  ... « 12  13  14  15  16 » ...  Last »