_____________________________________

Ardidos

O amor é como o sol À tarde, arde À noite, queima Mesmo na ausência teima Em queimar Dói até de saber que está brilhando em outro lugar Amadores são doidos varridos Desprezam a sombra E vivem ardidos     Obra Registrada na Biblioteca Nacional

Read more...

Tarde

Chora a tarde Chora à tarde Chora tarde   Obra Registrada na Biblioteca Nacional

Read more...

Queda

Pensou em se lançar em mim, mas caiu em si…       Obra Registrada na Biblioteca Nacional

Read more...

Tatuagens

Quero ser digno de beijar Todas as suas tatuagens Não só as do braço, perna, pescoço Mas as que estão escondidas, debaixo da roupa Na coxa, nas costas, na popa Quero sugar a mesma flor que suga o beija flor da sua barriguinha Com o bico pra dentro da calcinha Quero pegar a borboleta do […]

Read more...

Poema da mulher indignada

Você pode me descurtir Você pode me destratar Você pode me desprezar Você pode até me desdizer A única coisa que você não pode É conseguir me descomer     Obra registada na Biblioteca Nacional

Read more...
 Page 6 of 15  « First  ... « 4  5  6  7  8 » ...  Last »