Abre- te

 

 

Cheguei com a cara e com a aorta

Com desejo nos passos

Com saudades eternas

Me abriu as portas

Me abriu os braços

Me abriu as pernas…

 

 

Obra registrada e todos os direitos reservados©

Atualmente não há comentários relativos a este artigo. Você tem uma honra especial para ser o primeiro comentarista. Obrigado!

Deixe um comentário